Quanto custa fertilização in vitro?


in vitro
in vitro

Saber quanto custa fertilização in vitro é muito importante antes de fazer o planejamento. E esse questionamento frequente surge quando um casal decide optar pela Fertilização in Vitro (FIV).



Na visão do renomado embriologista e diretor da Genics Medicina Reprodutiva, Dr. Philip Wolff, o custo preciso só pode ser calculado após uma análise detalhada e diversos exames clínicos.

Afinal de contas, deve-se ter em mente que cada caso é único, pois o histórico de cada paciente é diferente.

Além disso, diversas fases compõem o processo de FIV, incluindo exames de controle, a seleção dos medicamentos adequados, a escolha do laboratório e a equipe médica que irá acompanhá-los.

Também não há como deixar de mencionar que, de acordo com as diretrizes do Conselho Federal de Medicina (CFM), os custos só podem ser informados ao casal após a avaliação clínica da paciente e sempre de forma presencial.

Assim, antes de se decidir por um médico ou clínica para realizar a FIV, é essencial verificar o número do registro médico (CRM).

Isso pode ser feito junto às entidades responsáveis por fiscalizar e regularizar as práticas dos profissionais de saúde.

Além disso, é estritamente necessário verificar o histórico do laboratório e da clínica onde o tratamento será realizado.

O que significa a fertilização in vitro?

in vitro
in vitro

A fertilização in vitro (FIV) é uma das mais comuns técnicas de reprodução assistida utilizada ao redor do globo, responsável pelo nascimento de mais de 7 milhões de crianças desde 1978.

Foi nesse ano que os pesquisadores britânicos Robert Edwards e Patrick Steptoe realizaram com sucesso o procedimento pela primeira vez.

A técnica consiste em coletar óvulos do ovário feminino e, em ambiente laboratorial, fertilizá-los com esperma.

Quanto custa fertilização in vitro?

Conforme estabelecido na Resolução nº 1.974/11 do Conselho Federal de Medicina (CFM), as clínicas estão proibidas de publicar os preços da Fertilização in Vitro, bem como de outros procedimentos médicos.

No entanto, alguns aspectos podem impactar no custo da Fertilização in Vitro, fornecendo ao casal uma estimativa de preço. Entre estes fatores, podemos citar:

Avaliação médica e exames diagnósticos

O ponto de partida para entender o custo da Fertilização in Vitro é o conjunto de consultas e exames que avaliam a saúde do casal.

Dependendo do caso, alguns desses exames solicitados podem não ser cobertos por planos de saúde.

Pagamento à equipe médica para a FIV

Depois de estabelecido que a Fertilização in Vitro é a melhor opção de tratamento para o casal, haverá uma taxa a ser paga à equipe médica para dar início ao procedimento.

Facilidades da clínica

A infraestrutura do local onde o procedimento será realizado também pode afetar o custo da Fertilização in Vitro.

Se a clínica tem um laboratório próprio, deve-se considerar que houve um investimento substancial nesse espaço.

A clínica deve garantir a manutenção adequada do espaço para cumprir com as normas estabelecidas pelos órgãos reguladores do país, além de proporcionar segurança, conforto e privacidade durante a realização dos procedimentos.

Medicamentos necessários

Os medicamentos usados durante o procedimento também influenciam no custo da Fertilização in Vitro.

Os medicamentos a que nos referimos são aqueles relacionados ao tratamento hormonal para estimulação ovariana.

Esses são injetáveis e geralmente têm um custo elevado, pois são vendidos apenas por distribuidoras especializadas.

Preservação de material biológico (criopreservação)

A criopreservação, ou seja, a prática de congelar materiais biológicos, tem um papel significativo no custo final da Fertilização in Vitro. A necessidade de congelar embriões ou óvulos adicionais, seja para uma segunda tentativa ou para futuras tentativas de concepção, implica custos adicionais.

Além dos custos da criopreservação em si, uma taxa anual ou mensal é geralmente cobrada pela clínica, dependendo das políticas do laboratório selecionado.

Procedimentos extras (biópsia embrionária, processamento seminal especializado, etc.)

Um dos principais procedimentos adicionais que podem ser recomendados, impactando o custo da Fertilização in Vitro, é a biópsia embrionária para análise genética, que avalia a saúde genética do embrião.

Programas de fertilização de custo reduzido

É importante ressaltar que o custo da Fertilização in Vitro pode ser fornecido durante uma consulta médica, após uma avaliação preliminar do paciente ou do casal.

Existem programas destinados a tornar este tratamento mais acessível, oferecendo fertilização a custo reduzido para casais com recursos financeiros limitados. Tais programas proporcionam o procedimento a um preço mais baixo, variando conforme cada situação.

Além disso, muitas clínicas de reprodução assistida, como a Humanizehealth, oferecem descontos especiais para esses casais, caso precisem fazer uma segunda tentativa de fertilização.

 


Amou este post? Compartilhe com suas amigas!

Deixe a sua avaliação!

Adorei! Adorei!
0
Adorei!
Super Útil Super Útil
0
Super Útil
Não Gostei Não Gostei
0
Não Gostei
Interessante Interessante
0
Interessante
Morri de Rir Morri de Rir
0
Morri de Rir
Chocada! Chocada!
0
Chocada!
Silvia Rehn
Sou uma blogueira, apaixonada pelo universo feminino. Adoro escrever sobre moda, beleza, casa, decoração e assuntos diversos no universo feminino. Se você quiser mandar alguma dica escreva pra mim! redacao@magazinefeminina.com.br ou deixe o comentário no post!